Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, e de Lojas de Conveniência, e de Empresas de Lava-Rápido e de Empresas de Estacionamento de Santos e Região – Sindicombustíveis Resan.

Meio AmbienteEntrega da DMR pode ser feita até 31 de maio


O prazo para entrega da Declaração de Movimentação de Resíduos (DMR) do primeiro trimestre de 2021, que venceria no final de abril, foi prorrogado até 31 de maio próximo.

MAIO 14, 2021

Matéria publicada na edição de abril/2021 da revista Postos & Serviços

O prazo para entrega da Declaração de Movimentação de Resíduos (DMR) do primeiro trimestre de 2021, que venceria no final de abril, foi prorrogado até 31 de maio próximo.

Os sindicatos representantes da revenda de combustíveis já haviam feito essa solicitação para a Cesteb, cujo sistema vinha apresentando falhas. Agora as declarações podem ser enviadas normalmente dentro desse prazo.

A DMR é obrigatória e deve ser preenchida no site do SIGOR (https://cetesb.sp.gov.br/sigor-mtr/), com dados de todos os resíduos perigosos (como óleo lubrificante usado ou contaminado, embalagens plásticas de óleo, lama da caixa separadora etc) gerados pelos postos de combustíveis, trocas-de-óleo e lava-rápidos e entregues às empresas especializadas para destinação final.

Segundo Carolina Dutra, advogada e consultora ambiental do Resan, trata-se de uma declaração simples, semelhante ao
RAPP/IBAMA, que serve para que as empresas geradoras de resíduos confirmem as informações sobre o descarte,
ajustando se preciso for os dados já lançados através de MTR (que continua obrigatório).

Para facilitar o preenchimento da DMR, tenham em mãos os certificados de coleta da empresa contratada e/ou os MTRs gerados no período. A DMR deve ser emitida mesmo quando a empresa, por qualquer motivo, deixou de emitir o MTR no momento certo.


Comentários

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas