Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, e de Lojas de Conveniência, e de Empresas de Lava-Rápido e de Empresas de Estacionamento de Santos e Região – Sindicombustíveis Resan.

IpemPortaria do IPEM-SP aperta o cerco aos postos com bomba fraudada


O Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (IPEM-SP) lançou uma portaria que agiliza o processo de cassação de inscrição estadual dos postos flagrados aplicando o golpe da bomba fraudada, que é quando o consumidor leva menos combustível do que pagou ao abastecer.

FEV 19, 2021

Fonte: Plumas Contábil (ICL)

Uma má notícia para quem anda fora da lei. O Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (IPEM-SP) lançou uma portaria que agiliza o processo de cassação de inscrição estadual dos postos flagrados aplicando o golpe da bomba fraudada, que é quando o consumidor leva menos combustível do que pagou ao abastecer.  

Caso os postos autuados não apresentem a defesa em até 15 dias, correm risco de perder a inscrição estadual.

A medida garante maior efetividade ao trabalho realizado pela Secretaria de Fazenda de São Paulo (SEFAZ-SP).

Confira abaixo na íntegra da Portaria 007/21, do IPEM-SP: 

https://institutocombustivellegal.org.br/wp-content/uploads/2021/02/portaria_IPEM-SP_007_2021.pdf. 


Comentários

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas