Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, e de Lojas de Conveniência, e de Empresas de Lava-Rápido e de Empresas de Estacionamento de Santos e Região – Sindicombustíveis Resan.

Postos & ServiçosAlie-se à tecnologia


Em época de quarentena, uso de ferramentas tecnológicas são uma saída para continuar gerenciando seu negócio a distância. Do ponto de vista de gestão, menos idas ao posto não quer dizer distanciamento dos negócios.

MAIO 18, 2020

Em tempo de pandemia pelo novo coronavírus, a tecnologia tem sido uma grande aliada do home office. Do ponto de vista de gestão, menos idas ao posto não quer dizer distanciamento dos negócios.

Hoje, ferramentas já permitem gerenciar, praticamente, todos os processos do negócio, do controle do estoque, ao monitoramento ambiental. É possível ter acesso a relatórios financeiros, tudo na tela do computador, ou na palma da mão, pelo smartphone.

“Tudo o que um administrador faria em sua mesa de trabalho no posto ele poderá fazer, por exemplo, em sua casa: pagar e receber contas, analisar relatórios, ter acesso aos seus recursos de operação como níveis de tanque, acesso ao sistema de imagem, ao sistema de ponto etc”, explica o engenheiro da computação Ricardo Luiz Marques, da AVRX Tech.

Segundo ele, uma das principais ferramentas tecnológicas hoje para o setor da revenda é o acesso remoto através da VPN, que significa Virtual Private Network, ou Rede Virtual Privada.

“A melhor maneira de efetuar um acesso remoto é através da VPN, por toda a segurança de um ambiente delicado e que exige uma alta disponibilidade em sua operação”, afirma Ricardo. “Ela é formada por um grupo de computadores que se conectam usando uma rede pública: a internet. A VPN pode ser utilizada para interligar uma rede de dois ou mais postos, como se todos estivesse em uma única rede, em um único local ou interligar usuários que necessitam ter acesso a operação do estabelecimento e que estejam em suas casas”, explica o especialista. Graças a essa tecnologia, é possível o acesso remoto à rede de computadores do posto de forma simultânea, com vários acessos simultâneos.

Apesar da resistência de alguns empresários, Ricardo garante que o uso da tecnologia é seguro. “Todo o tráfego de dados é criptografado para que a conexão tenha o máximo de segurança”, afirma o especialista, lembrando que o investimento em uma ferramenta segura não é tão caro quanto pensam.

“Muitas pessoas não conseguem enxergar o valor que o recurso pode proporcionar e, quando necessário, utilizam ferramentas gratuitas de acesso remoto que, além de terem um período relativamente pequeno de acesso contínuo, que bloqueia o acesso e obriga o usuário adquirir a licença, muitas delas são maliciosas, e podem causar um dano muito grande para o revendedor, como sequestro de banco de dados”, alerta ele.

O custo de implementação de um ambiente VPN custa em média R$ 600,00 com uma mensalidade de R$200,00 para até 15 usuários.


Comentários

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas