Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, e de Lojas de Conveniência, e de Empresas de Lava-Rápido e de Empresas de Estacionamento de Santos e Região – Sindicombustíveis Resan.

EnergiaConta de luz não terá sobretaxa em fevereiro

JAN 28, 2019

As contas de luz continuarão sem sobretaxa em fevereiro. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou ontem que vai aplicar a bandeira tarifária verde no próximo mês, sem custo adicional para os consumidores.

O Globo
 

26/01/2019 – As contas de luz continuarão sem sobretaxa em fevereiro. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou ontem que vai aplicar a bandeira tarifária verde no próximo mês, sem custo adicional para os consumidores. Apesar do consumo de energia em alta no verão, desde dezembro o consumidor não paga taxa extra na tarifa.

Em janeiro, o preço da energia subiu em razão da redução das chuvas. A avaliação da agência, porém, é que a estação chuvosa está em curso, o que propicia elevação gradativa da produção de energia pelas usinas hidrelétricas e melhora do nível dos reservatórios.

CONSUMO EM ALTA

O sistema de bandeiras tarifárias foi criado para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica. Vem daí a adoção de cada bandeira, nas cores verde (sem cobrança extra), amarela e vermelha (patamar 1 e 2), conforme os custos. Quando chove menos, é preciso acionar usinas termelétricas, que são mais caras que as hidrelétricas. Todo o gasto extra é repassado para os consumidores. Como voltou a chover na região das hidrelétricas, o governo conseguiu desligar usinas termelétricas que pesavam no sistema e, com isso, manteve a bandeira verde. No ano passado, o brasileiro arcou com a bandeira vermelha, nível 2, o patamar máximo, que representa a cobrança adicional de R$ 5 a cada cem quilowatts-hora consumidos, durante cinco meses seguidos. Em novembro, a sobretaxa ficou no patamar intermediário, a bandeira amarela, que representa uma conta extra de R$ 1 a cada cem quilowatts-hora consumidos.

Neste mês de janeiro, com as altas temperaturas, o Operador Nacional do Sistema (ONS) tem registrado sucessivos recordes no consumo de energia.


Comentários

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas